HISTÓRIA E SOCIEDADE

Este blog visa registrar as idéias resultantes da análise e reflexão de situações que se referem à realidade social e estrutural de nosso país. Também visa a um intercâmbio com alunos de outras escolas a fim de trocar informações e conhecimentos das realidades diversas.

15 setembro, 2005

No livro Vidas Secas nós observamos como é difícil a convivência das pessoas com relação a seca.
Nós, do Sul passamos por uma realidade parecida, e sentimos a dificuldade das pessoas que convivem diariamente com a seca.Os danos causados por ela deixaram perdas que não esqueceremos tão facilmente.
O livro foi uma forma de refletirmos sobre o sofrimentos que muitas pessoas sentem .
Daisy e Ju -301

6 Comments:

Anonymous Sonia said...

Acho que é importante refletir o problema da desigualdade social não apenas com o olhar para o nordeste e sim, com a dimensão do Brasil. Em algumas regiões não há seca, mas há outras formas de miséria e exploração. O que vocês me dizem? Será que há diferença entre a região sul e a região nordeste do Brasil?

7:16 AM  
Anonymous Lili, Mari said...

Com certeza,há uma grande diferença,mas não é só no Nordeste que existe miséria e exploração.É claro que aqui no sul é menos intenso, mas ainda há um bom número de habitantes na miséria.Há uma desigualdade social imensa, mas ainda achamos que o mais prejudicado hoje é o Nordeste.

7:00 AM  
Anonymous Wana e Tati said...

Bom...gostamos bastante do livro Vidas Secas, pois ele retrata a realidade da vida nordestina. Sem esquecermos que a seca não é só um problema do Nordeste, mas também de outras regiões, com por exemplo a região Sul, que nos últimos tempos tem passado por diversas dificuldades ocasionadas pela seca.

7:23 AM  
Anonymous laís said...

LAÌS de campo grande/ms
olha gostei de ler os comentários sobre esse livro que concerteza deve está fazendo o maior sucesso pois este livro só de ler vamos dizer a introdução já me chamou a atenção pois vejo que relata muito sobre a seca ,desigualdade social e outras dimensões do brasil gostaria que falassem mais um pouco ou comentassem sobre este livro..adorei ler os comentários .laís

7:17 AM  
Anonymous Digo said...

Aqui no Mato Grosso do Sul também existe desigualdade social, não é tão intensa quanto no nordeste,mas sempre vai existir; se o brasileiro não se conscientizar, isto nunca vai acabar.
Também existe muita exploração infantil, e os nossos piores inimigos são os policiais.
Mas no sertão a situação é bem pior, a fome, a seca; nós estamos bem, comparando a nossa situação com a deles.

8:15 AM  
Anonymous Anônimo said...

Magnifico tanto o livro quanto o autor que conseguiu conquistar seu objetivo.
Que com certeza é essa conscientização, que nós estamos tendo sobre esses diversos assuntos por ventura bem interessantes.

2:56 PM  

Postar um comentário

<< Home